Review: 殞煞 Vengeful Spectre – 殞煞 Vengeful Spectre

Por Lucas Santos

Desde sons de chuva, floresta, trovões até os instrumentos típicos da cultura chinesa e asiática, tudo é bem inserido e ajuda a situar o ouvinte no espaço/tempo criado pelos músicos e produção limpa e acertada.

Lucas Santos

Confira mais metal em 2020:
Surgical Strike – Part of a Sick World
Marko Hietala – Pyre of the Black Heart
Sons Of Apollo – MMXX
Serious Black – Suite 226
Sepultura – Quadra

Gravadora: Pest Productions
Data de lançamento: 15/01/2020

Muito pouco se sabe sobre o Vengeful Spectre, as informações escassas apenas dizem que é a banda de Black Metal com elementos de folk é oriunda da China, mas especificamente da província de Guangdong e foi formada em 2017. O álbum homônimo é o seu trabalho de estréia e por bons motivos vem chamando a atenção da crítica e sites especializados. Chegou a estar entre os melhores álbuns do mês de janeiro de um dos melhores sites de metal atuais, o Angry Metal Guy. Foi assim que acabei descobrindo e me interessado pelos chineses.

Como dito anteriormente o foco da sonoridade é o black metal, as letras são cantadas na lingua nativa e o tema lírico – após uma pesquisa profunda – trata sobre alguma guerra entre civilizações antigas, expondos a brutalidade e dores do campo batalha. Os intrumentos são bem típicos do gênero e o voz é bem presente e assustadora, porém o que diferencia é a ambientação criada em cada faixa. Desde sons de chuva, floresta, trovões até os instrumentos típicos da cultura chinesa e asiática, tudo é bem inserido e ajuda a situar o ouvinte no espaço/tempo criado pelos músicos e produção limpa e acertada.

Wailing Wrath é talvez o melhor exemplo, a faixa com mais de 8 minutos é um épico e parece uma história bem contada cheia de momentos especiais macabros, miturados com a suavidade e energia das cordas e sopros orientais. Tudo isso recriado em ótimas atmosferas recriadas com sons naturais e ambientes. Rainy Night Carnage serve de outro exemplo, mas dessa vez de como o Vengeful Spectre consegue criar sons mais diretos e de veia mais concebível à ouvidos menos extremos.

Sim, é importante lembrar que as 6 faixas e 36 minutos são feitos para serem ouvidos de uma vez só, não há cortes, o que me leva a crer que esse é sim um álbum conceitual mas por falta de informações não posso afirmar isso. Não é perfeito, tive a sensação de ouvir muitos artifícios repetidos em alguns momentos, mas é de fato um mínimo detalhe que não vai estragar a audição.

Por ter um pequeno conhecimento de black metal, Vengeful Spectre pregou minha atenção justamente por trazer esse elementos diferentes à sua sonoridade padrão. Apesar de contar com vocais demoníacos e sombrios, a sua intrumentação é bem palatável e mais melodicamente “aceitável” do que muitos exemplos que temos por aí. A atmosfera bem construída e as diversas passagens de instrumentos culturais orientais adicionam extravagantes momentos especiais e únicos. Um tipo de black metal que é difícil encontra por aí e um ótimo achado.

Nota final: 9/10

22 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: