10 Bandas e Artistas de Rock que seriam cancelados Hoje em Dia

Por Lucas Santos – Matéria original Loudwire

Parte do apelo do rock nos primórdios não era necessariamente o politicamente correto. Honestamente, há muitas coisas daquela época que não funcionariam hoje. Pessoas “barulhentas” cantando sobre tópicos polêmicos sobre os quais teoricamente não deveriam estar sendo cantados.

Aqui está apenas uma seleção de alguns comportamentos de rock star que provavelmente seriam cancelados hohe em dia. Prepare-se para ter a ideia da infalibilidade de alguns de seus rockers favoritos totalmente arruinadam enquanto mergulhamos em 10 bandas e artistas de rock que seriam cancelados hoje em dia.


JOHN LENNON

Sim, temos plena consciência de que os Beatles são uma das maiores bandas de todos os tempos. No entanto, isso não significa que tudo o que a banda fez foi ótimo. Veja esta introdução, por exemplo, onde você tem Paul McCartney pedindo aos fãs para bater palmas e John Lennon imitando-o com o que parece ser uma dança humilhante para zombar de deficientes mentais. John, espero que você tenha encontrado paz na vida após a morte, porque você estaria em uma tempestade de controvérsias se você ainda estivesse fazendo essa merda hoje em dia.

BLIND FAITH (BANDA DE ERIC CLAPTON)

O Eric Clapton provavelmente poderia preencher uma lista inteira como essa apenas com suas controversas. De seus comentários sobre corrida infames na época às coisas questionáveis que ele está dizendo na imprensa agora, o “Slowhand” certamente não tomou as melhores decisões aos olhos do público. A versão original do homônimo álbum, e único, da banda, tem na sua capa uma garota pré-adolescente de topless segurando um modelo de avião que muitos consideraram fálico por natureza. Decola ou não?

DAVID LEE ROTH

Poderíamos escolher várias das histórias que David Lee Roth já se meteu, mas vamos com essa aqui; Para motivar sua equipe de palco, o ex-cantor do Van Halen promulgou um programa de “incentivo ao roadie“, dando a cada um de seus roadies cinco passes para os bastidores para distribuir para jovens atraentes a seu critério. Conforme a história continua, o roadie que entregou a mulher com quem “Diamond Dave” acabou dormindo naquela noite receberia um bônus de pagamento.

DEF LEPPARD

Depois de correr pelo palco por horas a fio, chega um ponto em que você vai precisar respirar. Embora O Def Leppard soubesse quando fazer uma pausa, alguns membros tinham uma maneira mais, digamos, imprudente de fazer as coisas. Como revelado em um episódio no programa Behind the Music da banda, certos membros do Def Leppard levariam até 60 garotas nuas como companhia. O negócio foi tão longe que “mães e filhas [estavam] realizando atos sexuais”, de acordo com o fotógrafo de rock Ross Halfin, embora a história tenha sido refutada por pelo menos um membro do Def Leppard.

LED ZEPPELIN

Muitos podem se lembrar do infame “mudshark incident” do Led Zeppelin, quando os membros da banda teriam dado prazer a uma groupie com um tubarão. Mas ninguém parecia chamar a atenção para a arte do álbum Houses of the Holy, até que o Facebook o baniu (em seguida, reverteu a proibição ao saber o que era). A capa do álbum, que mostra crianças nuas escalando algum tipo de montanha, claramente não é a coisa mais para inocente, e provavelmente não seria lançada como arte de álbum hoje em dia. Embora pareça legal – de uma forma sinistra – a possibilidade de tal imagem ser sinalizada como pornografia infantil não é uma exceção nos dias de hoje.

W.A.S.P

O W.A.S.P é selvagem o suficiente para ganhar um lugar na lista de merda de qualquer pai, de suas letras profanas à cena de sinuca infame do guitarrista Chris Holmes no documentário The Decline of Western Civilization Part II: The Metal Years. O que entra nessa lista, porém, são seus shows ao vivo. Embora lançar pedaços de um porco morto na platéia teria disparado o alarme da PETA, ter uma mulher seminua pendurada em uma prateleira no palco – como se fosse ser torturada – provavelmente também não foi a melhor ideia. Acrobacias como essa nos shows do Rammstein podem ser esperadas, mas é fácil presumir que o pior virá do W.A.S.P. com títulos de músicas como Animal (Fuck Like a Beast)

TED NUGENT

Há praticamente uma longa lista de atributos do Ted Nugent que o torna uma das figuras do rock mais insultadas. Mas não vamos nem falar sobre suas inclinações políticas ou seu compromisso com a caça. Não, em vez disso, vou apontar as inclinações sexuais de Nugent naquela época. Quando Nuge tinha cerca de 30 anos em 1978, ele começou um relacionamento com uma garota de 17 anos, Pele Massa, e existem rumores de que ele se tornou seu tutor legal para continuar o relacionamento. Partes da história não foram comprovadas, mas o próprio músico disse em um episódio do documentário Behind the Music que ele “obteve o selo de aprovação dos pais” das garotas que cortejou. Nugent negou ter adotado Massa.

NIKKI SIXX

Para muitos fãs de rock, não há nada de errado em um artista advertir a segurança do local por agredir os frequentadores do show. O baixista do Motley Crue, Nikki Sixx, cruzou a linha, no entanto, em um show de 1997 na Carolina do Norte, indo tão longe a ponto de chamar um segurança de calúnia racial ao interpretá-lo como ato tumultuado. Embora não tenha acontecido muito na época, é o tipo de incidente que quebraria o Twitter da noite para o dia se acontecesse nos tempos modernos.

DAVE NAVARRO

Alguns dos mais selvagens festeiros musicais provavelmente não se comparam ao que o guitarrista Dave Navarro fez nos bastidores com o Jane’s Addiction. Por exemplo, como ele lembra em seu livro de 2004, Don’t Try This at Home: A Year in the Life of Dave Navarro, uma vez ele entrou no que chamou de “sala de orgia” nos bastidores para injetar heroína e lá encontrou três mulheres nuas usando o espaço para o fim a que se destinam. Fale sobre uma noite selvagem.

KEITH MOON

Se todas as histórias de Keith Moon que ouvimos forem verdadeiras, é provável que o cara esteja em um hospital psiquiátrico hoje em dia. Além de sua incrível bateria com o The Who, o lixo de seu quarto de hotel era uma lenda – histórias de acender bombas de cereja em banheiros e jogar TVs para fora das janelas não faltam. Mas Moon também matou um homem uma vez – acidentalmente – quando ele atropelou seu motorista e guarda-costas Neil Boland. Moon foi acusado no caso, mas recebeu uma dispensa absoluta (essencialmente, uma sentença sem punição), uma vez que o legista considerou um acidente. É o tipo de história que muito provavelmente o teria impedido agora. Quando você é O Keith Moon, no entanto, é apenas uma nota de rodapé histórica.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: