Little Angels

Por Roani Rock

Bem vindo à mais uma categoria de conteúdo disponibilizado pela The Rock Life pra você, amante da boa música, mais precisamente do rock e metal.

Toda semana iremos indicar bandas, digamos, desconhecidas no grande cenário e pouco mencionadas nacionalmente. A ideia é apenas espalhar o som de bandas diferentes, “novas” e que não tiveram espaço aqui. Tentaremos focar naquelas que tiveram álbuns que não foram resenhados ainda. Do rock clássico ao metal extremo, aqui vale de tudo. Traremos uma breve explicação da banda e álbuns essenciais da discografia, sem muito aprofundamento, o conceito do “Banda da Semana” é apenas disponibilizar novos nomes a vocês. Aproveitem.

QUEM SÃO?

Little Angels foi uma banda inglesa de hard rock daquela safra maravilhosa predominantemente ativa entre meados dos anos 1980 e meados dos anos 1990. Agenciados pela Polydor, os membros fundadores da banda foram Toby Jepson (vocalista), Mark Plunkett (baixista), Dave Hopper (baterista) e os irmãos Bruce John e Jimmy Dickinson (guitarrista e tecladista, respectivamente). Eles são mais reconhecidos por terem sido apadrinhados pelo Van Halen, terem tido treta interna por conta do batera ter tentado uma vaga no The Cult e aberto turnês para o Bon Jovi.

POR QUE VOCÊ DEVE ESCUTAR?

Principalmente por ser uma banda bem underground e por ser difícil achar os álbuns. Não tem um álbum deles no Spotify por exemplo. Little Angels teve sucesso no Reino Unido com quatro álbuns mais vendidos, incluindo um número 1 no UK Albums Chart em 1993 com Jam e logo depois desse bum a banda se separou.

O som dos caras chama atenção principalmente pelo fato de mesclarem bem o acústico com os pesos da guitarra, mesclando o hard rock com melodias country. O vocal do Toby Jepson também é fora de sério, o hit Product Of The Working Class e Young Gods se destacam. Pelos nomes das canções também dá pra sacar que eles tem algum discurso saindo da obviedade do sexo, drogas e rock ‘and’ roll.

QUAL ÁLBUM VOCÊ DEVE ESCUTAR?

Tenho que confessar que nunca escutei a discografia completa, mas os dois álbuns que escutei, o Jam e principalmente Young Gods valem muito a pena. Discos bem pesados e mixados, com boa correspondência entre as faixas.

O Jam foi categorizado da seguinte forma pela avaliação positiva da Allmusic: “tinha todos os ingredientes de um grande álbum de rock – poderosas canções melódicas baseadas em guitarras e […] baladas mais suaves”. Mas é difícil achar o álbum pela internet, só nos torrents da vida, bem poderoso, mas em compensação o Young Gods você encontra completo no youtube, então comece por ele, já que é quase um irmão para a obra prima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: