ESPECIAL COPA DO MUNDO 2022: UM ARTISTA/BANDA DE ROCK PARA CADA PAÍS DO GRUPO E PARA VOCÊ CONHECER

Pensando em uma forma de colocar o nosso The Rock Life em clima de copa, encontramos desse modo unir o futebol com a música para o momento de maior expressão do gênero esportivo. Já que a abertura e primeira partida foram feitas neste último dia 20/11, trazemos aqui uma banda /artista de cada país que faz parte do grupo F que contempla as seleções da Alemanha, Costa Rica, Espanha e Japão.

Tendo em conta que são 32 seleções do mundo inteiro reunidas no Catar e que já existe uma publicação semelhante no Tenho Mais Discos Que Amigos!, vamos trazer artistas unicamente de rock e metal, indo em uma direção diferente e buscando trazer artistas não colocados por eles, mas com a mesma proposta de divulgar novos sons para vocês adicionarem em suas playlists.


Alemanha: Zodiac

Zodiac é uma banda de hard rock de Münster , Alemanha. A banda foi formada em 2010 pelo vocalista e guitarrista Nick Van Delft e pelo baterista do Long Distance Calling , Janosch RathmerStephan Gall e Robert Kahr se juntaram logo depois para completar a formação antes de Ruben Claro substituir Kahr em 2012. A banda é fortemente influenciada pelo rock e blues dos anos 1970 e isso contribui para o tema e estilo de sua própria música. A partir de 2016, eles fizeram quatro álbuns de estúdio. Apesar de não cantarem em sua língua nativa, dá para sentir nas melodias algo diferente do blues rock inglês e do Hard Rock americano, coisa que o seus conterrâneos Rammstein, banda alemã mais popular do planeta, conseguiu imprimir em seu som focado no Metal Industrial. A versão deles para Cortez The Killer de Neil Young é brutal!


Costa Rica: Ave Negra

Difícil achar alguma informação sobre a banda, no meio das minhas pesquisas nos streamings da vida esbarrei com esse garage rock que vai direto ao ponto e me viciei no som sujo das guitarras e vozes distorcidas. O primeiro álbum do power trio é de 2016, mas achei o segundo, Jovens Iracundos de 2016, mais interessante. Seu som me remeteu ao MC5 e ao Strokes, vale dar um confere!


Espanha: Lèpoka

Lèpoka começou no início de 2010, no que começou como um hobby para cinco bons amigos. Inicialmente optou por praticar perto dos grupos de folk rock Mago de Oz e Saurom. Realizam o primeiro concerto, recrutam dois novos componentes para o grupo. No entanto, nada é para sempre, e desentendimentos pessoais e musicais acabam forçando a saída de três desses membros (os dois ex-guitarrista e cantor). Mas o grupo não esmorece e recruta novos músicos, solidificando a formação atual na prática de um folk metal heterogêneo e com influências de muitas das principais bandas do gênero.


Japão: Kaneyorimasaru

Um power trio feminino muito talentoso com faixas divertidíssimas. É uma banda bem recente e recomento o primeiro e único álbum completo de 2020 chamado de My Favorities. O som delas me remeteu bastante a banda de pop punk Good Charlotte. Os arranjos das músicas são o que há de mais rico no som já que os vocais são bem genéricos e as letras bem mais voltadas algo adolescente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s