Passou batido: The Black Crowes, Casa das Máquinas, The Penders

Por Roani Rock

Esse é um rapidinhas passou batido. Como vocês bem sabem, ‘Rapidinhas The Rock Life’ é um quadro que surgiu para aumentar o apanhado da quantidade massiva de música que escutamos durante a semana. Chegamos a conclusão que só os Reviews por aqui não eram o suficiente e por isso criamos esse formato para, de forma breve, aumentar o nosso acervo musical e, claro, aumentar o número de dicas de música boa dentro do Metal e do Rock.

Além dos Reviews e Listas que saem diariamente, junto da ‘Banda Da Semana’, o ‘Rapidinhas The Rock Life’ cobre outros lançamentos da semana e do mês com informações reduzidas das bandas e álbuns.

Todos os álbuns lançados entre 15/04/2022 e 06/05/2022


The Black Crowes – 1972

Gravadora: Amazon
Gênero: Southern Rock
País: Estados Unidos

No vídeo de divulgação dos bastidores das gravações do EP patrocinado pela Amazon, o vocalista Chris Robinson falou da forma tradicional que escolheram fazer essa ode ao rock dos anos 70, gênero a qual beberam tanto para desenvolver o seu trabalho autoral. Sem nenhum aparato tecnológico, os irmãos Robinson trazem com a encarnação mais nova do Black Crowes interpretações próprias para músicas de David Bowie, Rolling Stones, Rod Stewart, T.Rex, Temptations e do não tão manjado Little Feat.

Set list bem a caráter com escolhas não tão boas de arranjo ou forma de cantar. Rocks Off dos Stones e Moonage Daydream de Bowie tiveram escolhas estranhas, mas em compensação, Papa Was A Rollin’ Stone dos Temptations ficou fidedigna e mágica. O disco vale para escutar a banda de volta a ativa deixando a vontade de escutar um trabalho autoral novo mais frenética.


Casa das Máquinas – Brilho Nos Olhos

Gravadora: Monstro Discos
Gênero: Rock Progressivo
País: Brasil

Falando em anos 70, uma das bandas brasileiras de rock progressivo mais roots da época resolveu sem dar muito alarde voltar, foi quase meio século sem um trabalho novo e agora ressurgem com um disco inspirado e cheio de bons aliados nas composições: Kiko Zambianchi, Marcelo Schevano, Léo Testoni, Ernst Claus, Johnny Magrão e Daniel Gerber. Brilho Nos Olhos foi gravado pelo cantor Ivan Gonçalves, já substituído por Rodrigo Grecco. A formação se completa com Mário Testoni (voz e teclados), Cadu Moreira (voz, guitarra e violão), Geraldo Vieira (voz e baixo) e Lucas Tagliari (bateria).

Destaco a faixa de abertura Tão Down, Brilho nos Olhos, A Rua, Horizonte e Nova Casa (Sob Nova Direção), verdadeiros hits para a discografia dos caras.


The Penders – A Moment In Time

Gravadora: independente
Gênero: Britpop
País: Brasil

Para não ficarmos só com os medalhões, trago essa banda nova que acabou de lançar seu EP de estreia. The Penders é uma banda paulista que bebe das fontes do rock britânico feito nos anos 90. Eles trazem músicas em inglês com bastante bom gosto nos arranjos e melodias. O EP só possui 4 músicas, mas vale a pena principalmente pela divertida Cerulean Skies.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s