Rapidinhas 18/03/2022: Berthold City, Children of the Sün, Combust e Ronnie Atkins

‘Rapidinhas The Rock Life’ é o quadro que surgiu para aumentar o apanhado da quantidade massiva de música que escutamos durante a semana. Cheguei a conclusão que só os Reviews por aqui não eram o suficiente e por isso criamos esse novo formato para, de forma breve, aumentar o nosso acervo musical e, claro, aumentar o número de dicas de música boa dentro do Metal e do Rock.

Além dos Reviews e Listas que saem diariamente, junto da ‘Banda Da Semana’, o ‘Rapidinhas The Rock Life’ vai cobrir outros lançamentos da semana* com informações reduzidas das bandas e álbuns. 

Todos os álbuns lançados em 18/03/2022


Berthold City – When Words Are Not Enough

Gravadora: WAR Records
Gênero: Straight Edge Hardcore
País: Estados Unidos

When Words Are Not Enough é o álbum de estreia da banda de straight edge californiana Berthold City. Depois de algumas demos e EPs lançados entre 2018 e 2021 o experiente quinteto (que contém membros que fazem parte da cena desde os anos 90) vai direto ao assunto em seu debut. Straight Edge Hardcore em sua forma mais pura, crua e desafiadora. Não tem erro!


Children of the Sün – Roots

Gravadora: The Sign Records
Gênero: Rock N’ Roll/Psicodélico
País: Suécia

Roots é o segundo álbum de estúdio de uma das melhores bandas de rock retrô atuais, o Children of the Sün. Com um apanhado de músicas que se misturam entre o rock clássico dos anos 60 com pitadas de blues, leve psicodelia e melodias cativantes, o sexteto sueco merece muito a sua atenção, por resgatar essa vibe hippie do festival de woodstock com todos os apetrechos modernos ultilizados na medida certa. Certamente uma banda para se ficar de olho.


Combust – Another Life

Gravadora: Cash Only Records
Gênero: Hardcore
País: Estados Unidos

Another Life é o LP de estreia do grupo nova iorquino de hardcore Combust. Com uma abordagem mais vintage ao invés de tentar empurrar o gênero para frente, eles conseguem entregar boas músicas sem nenhum grande destaque individual. Acho que é uma boa estreia de uma banda que pode entregar ao mais impactante. Ainda assim, se você gosta de grupos como Sick of It All, Ekulu e os lendários do Madball, o Combust vai agradar você com certeza.


Ronnie Atkins – Make It Count

Gravadora: Frontiers
Gênero: Hard Rock
País: Dinamarca

O lendário frontman do Pretty Maids lança depois de pouco mais de 1 ano o seu segundo álbum solo. One Shot (2021) me impactou muito e foi um dos meus álbuns favoritos do ano passado e Make it Count segue a linha do seu antecessor e carrega todos os temas e dores do cantor que está em estágio 4 (esse é o estágio mais grave e com mínimas chances de cura) no seu diagnóstico de câncer no pulmão. A fórmula continua a mesma: canções enormes e eufóricas de rock melódico, tingidos com uma certa melancolia, mas tanto liricamente quanto musicalmente grandiosos. Vida longa ao Ronnie!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: