Rapidinhas: Dead/Awake, Foreign Pain e Portrait

Por Lucas Santos

‘Rapidinhas The Rock Life’ é um novo quadro que surgiu para aumentar o apanhado da quantidade massiva de música que escutamos durante a semana. Cheguei a conclusão que só os Reviews por aqui não eram o suficiente e por isso criamos esse novo formato para, de forma breve, aumentar o nosso acervo musical e, claro, aumentar o número de dicas de música boa dentro do Metal e do Rock.

Além dos Reviews e Listas que saem diariamente, junto da ‘Banda Da Semana’, o ‘Rapidinhas The Rock Life’ vai cobrir outros lançamentos da semana* com informações reduzidas das bandas e álbuns. 

Todos os álbuns lançados em 3/09/2021


Dead/Awake – Melancholia

Gravadora: We Are Triumphant
Gênero: Deathcore
País: Estados Unidos

O deathcore americano ainda é muito forte. Melancholia é o terceiro álbum de estúdio da recém formada banda (2017) Dead/Awake e não foge muito da sonoridade apresentada até aqui. Para muitos pode ser apenas mais um trabalho do estilo sem muitas novidades, mas para outros pode ser mais uma banda do gênero para se ter no radar.


Foreign Pain – Death Of Divinity

Gravadora: Good Fight Music
Gênero: Metalcore
País: Estados Unidos

O álbum de estreia do Foreign Pain, uma banda californiana, me remete muito um som mais cru do metalcore do começo/meio dos anos 2000. Álbum brutal com um instrumental de tirar o fôlego e vocais arrasadores. Nada de muito diferente do que o estilo pode oferecer mais capaz de causar um bom impacto à quem escutar. Eu recomendo dar uma chance.


Portrait – At One With None

Gravadora: Metal Blade Records
Gênero: Heavy Metal
País: Suécia

Para quem não está satisfeito apenas com o lançamento de Senjutsu pelo Iron Maiden e necessita mais Heavy Metal, At One With None, quarto álbum de estúdio dos suecos do Portrait pode ser uma ótima pedida. A banda revisita o som do metal clássico dos anos 80 e passeia por uma sonoridade que lembra a própria donzela de ferro e Mercyful Fate. Assim como toda a sua discografia, o álbum é muito interessante e a banda cumpre muito bem as espectativas de tocar um som mais nostálgico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: