The Rock List: 70 Anos de Stevie Wonder – 7 Obras Em Diferentes Estilos Musicais

por Roani Rock

Um dos grandes nomes da fase final da Motown e um dos principais nomes do funk ainda vivo, Stevie Wonder, está completando neste dia 13 de maio seus 70 anos de idade. Para celebrar essa data querida, achamos que seria crucial falar de 7 obras dele. Independente de ser hit ou não, essas obras são interessantes pelo desempenho vocal, pela forma de ser tocada, ser um estilo totalmente fora da curva ou inesperado de ouvir na voz de um cara da música negra americana. Confira a lista:

1 – MÚSICA LATINA

My Cherrie Amour foi a escolhida, mas também tem Don’t You Worry ‘Bout A Thing. Não só pela forma swingada de tocar, mas também por lembrar muito ritmos como chá-chá-chá e Salsa, dá pra dançar esses estilos nessas músicas de Stevie. Another Star também, importante mencionar.

2 – REGGAE

Com o hit atemporal Master Blaster (Jamming), Stevie moldou ao seu som o Reggae. A presença marcante do baixo e som mais reto com riffs marcantes da guitarra comprovam que deu certo, além da forma de Stevie cantar. Claramente não é Soul ou Funk, mesmo vários componentes desses estar presente também, como pode ser conferido na versão ao vivo abaixo.

3 – POP ANOS 80

Stevie entrou de cabeça no som do pop oitentista da década de 80. Nela ele conseguiu seus maiores sucessos como I Just Call To Say I Love You e uma parceria bem emocionante com Paul McCartney em Ebony & Ivory. Mas em Part-Time Lover, a presença da bateria eletrônica, o teclado com sintetizador caracterizam mais a influencia. Muita gente simulou esse som nos anos 80: Bowie, Rod Stewart… e todos se deram bem de certa maneira.

4 – BOSSA NOVA

You Are The Sunshine Of My Life, só ver a condução leve e jazzistica da bateria para sentir a referência ao estilo brasileiro. Golden Lady também é mais uma que cabe colocar como uma faixa inspirada na Bossa Nova.

5 – RHYTHM BLUES

Living In The City é puro R&B asim como é soul e funk ao mesmo tempo, mas sabe qual mais também é? Isn’t She Lovely! Agora Signed, Sealed, Delivered I’m Yours é mais importante de mencionar porque recebeu regravações que colocavam ela junto de artistas do hip & hop, num conceito mais contemporâneo.

6 – FUNK

I wish é puro funk! Esse é o DNA claríssimo de Stevie. Ela tem o groovie, tem o baixo, os metais e grande desempenho vocal de Stevie, inclusive abertura para os improvisos dele e de seus músicos como pode ser muito bem visto no vídeo abaixo. Temos outras canções marcantes nesse estilo, Uptight que é bem do início de sua carreira e Faith, que ele lançou recentemente com a cantora mais reconhecida da atualidade, Ariana Grande.

7 – JAZZ

Tem várias músicas do Stevie Wonder que possuem elementos do Jazz, uma das mais representativas é seu mega hit Mr. Duke. Claro que em um formato mais pop, mas seja pela linha de sopros ou as pausas entre o baixo e os metais fazendo a mesma dinâmica assim como as quebradas da bateria. For Once n My Life e As, também tem um quê jazzistco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: