Alter Bridge e Skillet: Victorious Sky Tour em Worcester, MA.

Por Lucas Santos

Em meio à euforia do Rock in Rio, que por problemas de logística não estou podendo acompanhar presencialmente, foi tempo de deixar tudo de lado por uma noite e conferir a minha banda favorita de todos os tempos: Alter Bridge.

Prestes a lançar o seu sexto álbum de estúdio Walk In The Sky, dia 18 de Outubro, eles entraram em turnê nos Estados Unidos com a banda de hard rock Skillet, que também lançou material novo esse ano, o bom álbum Victorious. Todos esses shows estão sendo abertos pela nova sensação do rock and roll, Dirty Honey.

Foi uma noite fria de outono na pequena cidade universitária de Worcester no estado de Massachussets. The Palladium, local do show, é uma conhecida casa de shows que abriga regularmente eventos desse porte. Ano passado pude conferir o Angra em sua divulgação do álbum Omni e gostei muito do local.

Dirty Honey

Infelizmente não pude chegar á tempo de conferir o show da banda do momento. Mas posso dizer que no fim do show pude adquirir o vinil do único EP lançado até agora, e troquei um breve lero com o vocalista Marc LaBelle, que após descobrir que eu era do Brasil disse que queria muito ir pra lá o quanto antes e também afirmou que o primeiro álbum completo deve sair no ano que vem.

Skillet

A banda noventista nunca me chamou muito a atenção. Ouvi de perto e fiz a resenha do último álbum Victorious mas a sonoridade em geral nunca foi pro meu total agrado. O show em si foi bastante positivo. O vocalista John Cooper não estava em seus melhores dias mas compensou com sua energia e interação com o público. Já o restante da banda estava impecável e os clássicos Monster e Hero foram cantados a todo vapor.

O meu momento preferido foi quando John, brevemente, fez um discurso sobre a importância da música na vida das pessoas, introduzindo a faixa Victorious, do último álbum, homenageando Chester Bennington e dedicando à todos que sofrem de depressão. No geral, um show que fez o feijão com arroz, com tempero, e agradou todos os presentes.

Alter Bridge

As estrelas da noite subiram no palco por volta das 9:50. Woudn’t You Rather, primeiro single disponibilizado do novo álbum, foi escolhida para a abertura. Além dela, eles também tocaram dois outros singles Take The Crown e Pay No Mind.

Apenas após a quarta música, Myles começou a interagir com a platéia. O som da casa estava bem nítido e os efeitos do palco, em ambos os shows, estavam muito interessantes. Consegui perceber uma maior interatividade da platéia com o Alter Bridge: mais pessoas cantando as letras, mais palmas, mais mãos pra cima e mais gente pulando.

Com um set list reduzido para apenas 12 músicas (esse é o meu grande problema com essas turnês em conjunto) muita coisa ficou de fora, mas a escolha das faixas foi bem feita, todos os cinco álbuns foram lembrados. O momento mais especial da noite certamente foi a canção Blackbird, o épico da banda, que foi dedicada à um cara que trabalhou com a banda por muito tempo e infelizmente faleceu esse ano. Essa música, independente do contextou, local e momento, sempre me dá arrepios.

Durante todo o show o quarteto foi impecável, é impressionante o profissionalismo e qualidade fora da curva que todos os integrantes tem, é tudo muito técnico, emocionante e beirando a perfeição. Open Your Eyes foi a maneira mais correta de encerrar a noite, botando todos pra cantar o famoso “ooooo” entre os refrões e com Myles Kennedy atuando como um regente, essa sempre será a melhor música para interagir com a multidão.

O show terminou pouco antes da 11 da noite. Fiquei desapontado pela quantidade de músicas no set list, era óbvio que queria ouvir mais, porém entendo que essa é a idéia da tour.

É sempre bom poder assistir a sua banda favorita mais uma vez.

Lineup: Dirty Honey, Skillet e Alter Bridge
Local: The Palladium – Worcester, MA
Data: 03/10/2019

Set List Dirty Honey:

  1. Scars
  2. Break You
  3. Heartbreaker
  4. Down the Road
  5. When I’m Gone
  6. Rolling 7s

Set List Skillet:

  1. Feel Invincible
  2. Not Gonna Die
  3. You Ain’t Ready
  4. Whispers in the Dark
  5. Legendary
  6. Awake and Alive
  7. Back From the Dead
  8. Save Me
  9. Hero
  10. Undefeated
  11. Victorious
  12. Comatose
  13. Monster
  14. The Resistance

Set List Alter Bridge:

  1. Wouldn’t You Rather
  2. Isolation
  3. Come to Life
  4. Pay No Mind
  5. Rise Today
  6. Addicted to Pain
  7. Waters Rising
  8. Take the Crown
  9. Cry of Achilles
  10. Blackbird
  11. Metalingus
  12. Open Your Eyes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: