Review: Rat Face Lewey – The Fall Of Man

Por Lucas Santos

Na real, definir a sonoridade do Rat Face Lewey é bem complicado, em seu website eles se denominam: “a banda de rock/grunge alternativo de Londres” mas depois de ouvir The Fall Of Man eles concerteza são muito mais que isso.

Lucas Santos

Confira mais Rock:
He Is Legend – White Bat 
The New Roses – Nothing But Wild
The Black Keys – Let’s Rock 
The Raconteurs – Help Us Stranger
Hollywood Vampires – Rise

Gravadora: Independente
Data de lançamento: 6/09/2019

Rat Face Lewey é um trio originalmente de Londres. Formado em 2010 pelos irmãos Jonny (vocal/guitarra) e Mav (baixo) com Gregg na bateria. Nascida em East Midlands, a banda logo partiu para o sul de Londres para começar a se apresentar no circuito da capital. Em 2013, o trio lançou seu primeiro álbum, Wonder Before Mess. As faixas do lançamento foram adornadas por listas de reprodução em todo o mundo e, até hoje, os números de streaming continuam altos para o álbum. Em 2015, a banda continuou sua escalada com o lançamento dos singles, Dead in the Ground e Digital Prison, que foram produzidos por Matthew Hyde com vídeos musicais dirigidos por Jonathan K Harris. Ambas as faixas aumentaram a base de fãs da banda e ajudaram a garantir uma vaga no Resonance Festival.

Na real, definir a sonoridade do Rat Face Lewey é bem complicado, em seu website eles se denominam: “a banda de rock/grunge alternativo de Londres” mas depois de ouvir The Fall Of Man eles concerteza são muito mais que isso. Tell Your Friends About Me tem referências mais pesadas de metal e é mais arrastado, já a segunda faixa Comfortable e Fight My Noose se desviam para uma pegada mais punk rock sem compromisso, algo que escutamos em Tony Hawk’s Pro Skater no PS2, com refrões alegres, pegajosos, e riffs mais diretos de power acorde.

The Pirate Song tem uma atmosfera surf rock, riffs mais elaborados e no meio, se mistura com as referências de punk rock e pitadas de elementos alternativos. A letra é muito bem construída e encaixa muito bem no título da faixa. Replaced é mais alternativa até o momento, nos pegamos até situado em algumas menções e momentos emos, bons tempos.

A faixa titulo traz um riff de guitarra nervoso e acrescenta elementos alternativos enquanto o vocalista Jonny alterna sua voz mais suave nos versos e se esgoela no fim, o refrão é cantado em coro e se encaixa muito bem. A parte grunge se encaixa mais nas letras, algumas, apesar de terem uma pegada mais animada e leve, são bem melancólicas e questionam alguns escolhas humanas e da sociedade.

Algumas pequenas falhas acabam sendo notáveis, muito deles na parte da produção, por exemplo, em alguns momentos o sons das guitarras poderiam ser mais cheios, e o som da bateria acaba se escondendo quando as coisas ficam mais animadas ou pesadas. Os apenas 30 minutos de disco poderiam ser mais largos, duas ou três mais músicas seriam muito bem vindas e deixariam a experiência mais completa.

O que eles são de fato, eu ainda não sei. Mas tenho a certeza que depois de ouvir The Fall of Man, o Rat Face Lewey podem ser o que quiser, é uma banda que acredita em sua música, com paixão, energia bruta e ambição, podem, e tomara que façam coisas maiores e chamem atenção de mais gente.

Nota final: 8,5/10

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: